quarta-feira, 14 de setembro de 2011

Eu quero profundidade!

A maioria das pessoas passa a vida toda sendo açoitados pelas duras ondas da superfície, às vezes apenas iludidos com sua superficial beleza e nunca chegam a desfrutar a paz do coração do oceano. A questão é ir fundo, porque a profundidade revela a realidade de Deus, e a oração é a porta de entrada que permite vislumbrar as profundezas e explorá-las.

O grande tesouro está no fundo. A verdadeira espiritualidade não se julga pela posição de visibilidade, mas sim o quanto mais perto estejamos do Criador, mesmo que tão profundo estejamos. Um fato muito interessante é que: “As profundezas não são apenas tranqüilas e silenciosas, elas são também MISTERIOSAS.”

Você está satisfeito com uma lagoinha? Com uma poça? Será que sua espiritualidade está tão profunda quanto as águas de um pires? Precisamos cultivar relacionamentos profundos, que marquem nossa passagem nessa vida.

Um comentário:

  1. Os melhores momentos de nossa vida passam a existir da construção de um relacionamento profundo e sincero com Deus, e isso não significa uma vida de facilidades não, mas de renúncia, dor às vezes, lágrimas, dúvidas, mas, sem dúvida, umam PAZ inexplicável e uma graça infinita nos envolvem e nos consolam, nos ensinando que em TUDO precisamos depender DELE, buscar SUA direção e ouvir SUA PALAVRA.(II CO 4:8-9)

    ResponderExcluir